De 28 de setembro a 4 de outubro de 2020
De 28 de setembro a 4 de outubro de 2020

Por Natasha Bachini, Eduardo Barbabela, Douglas Moura, Keila Rosa, Andressa Liegi Costa, Lucas Loureiro, Mariana Soares, Bruna Medina, Ana Beatriz Getirana, Matheus Ribeiro, Robson Nunes, Victor Nobre e João Feres Jr.
23/10/2020 -

Entre os dias 28 de setembro e 4 de outubro das 719 páginas analisadas, 641 delas publicaram algum tipo de conteúdo durante o período analisado. No total da amostra da semanal, foram verificadas 17.219 publicações, dentre as quais 7.490 (43%) fotos, 5.660 (33%) links, 3.902 (23%) vídeos e 167 (1%) status – ferramenta de compartilhamento de humor, sentimentos, pensamento ou atividade. Nesta semana apenas três personagens apareceram em nosso ranking com as vinte publicações mais compartilhadas do Facebook: o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e os deputados federais André Janones (Avante-MG) e Carla Zambelli (PSL-SP).

André Janones emplacou seis posts em nosso ranking. O deputado federal por Minas Gerais continuou sua campanha pela manutenção do valor de R$ 600 reais do auxílio emergencial. A postagem mais compartilhada durante a semana foi um vídeo de Janones gravado durante uma sessão da Câmara dos Deputados que, segundo o deputado, pautaria a MP 1000, medida que reduziu o valor do auxílio. A MP, no entanto, não foi pautada. Em outra publicação, Janones publicou uma foto sua em frente ao Palácio do Planalto e comentou sobre uma suposta reunião do presidente Bolsonaro com líderes da Câmara a respeito do auxílio. Segundo o deputado do AVANTE, o presidente pediu que o auxílio ficasse em 300 reais.

 

O presidente Bolsonaro emplacou sete postagens em nosso ranking. Em sua postagem mais compartilhada, Jair Bolsonaro publicou sobre o uso de hidroxicloroquina para combater a Covid-19. No vídeo, o jornalista Alexandre Garcia da CNN noticiou um estudo da Sociedade Europeia de Cardiologia em hospitais na Suíça e em um centro cardiológico na Itália com pessoas que contraíram a COVID-19 e utilizaram o medicamento. O estudo concluía que a hidroxicloroquina não causava arritmia. Ao final do vídeo Bolsonaro publicou uma imagem com a seguinte frase: “Bolsonaro acertou mais uma vez”.

Em outra postagem, o presidente Bolsonaro discutiu temas relacionados à pandemia. De início, Jair Bolsonaro criticou o isolamento social e afirmou que as ideias do “fica em casa”, do “deixa a economia para depois” ajudaram na expansão do desemprego no país e que “essa conta chegou” e resultaria em um total de 20 milhões brasileiros entre informais e beneficiários do bolsa família em uma situação difícil em janeiro de 2021. Após esse diagnóstico, o presidente defendeu o governo, assegurando que estão buscando soluções, como vender estatais para arrecadar fundos, para o país financiar os programas sociais. Em outro vídeo sobre o auxílio emergencial, inclusive, Bolsonaro criticou seus opositores e afirmou que o auxílio emergencial não poderia ser para sempre como os comunistas e demagogos gostariam.

Bolsonaro também aproveitou sua página para defender a soberania brasileira na Amazônia. Em reportagem da RedeTV, o repórter dizia que existiriam restrições internacionais à soberania brasileira sobre a Amazônia e citava comentários de diversos presidentes ao redor do mundo comentando sobre a Amazônia, como as frases do ex-presidente francês François Mitterrand, de que o Brasil precisaria aceitar uma soberania relativa sobre a Amazônia, e do ex-vice presidente americano Al Gore, que afirmara que a Amazônia não seria do Brasil, mas de todo o mundo.

 

A terceira personagem com grande destaque na semana foi a deputada federal Carla Zambelli, que também emplacou sete posts em nosso ranking. Em seu principal post do ranking, Zambelli publicou um vídeo do comentarista Tomé Abduch da CNN Brasil. No vídeo, Abduch elogiava o presidente Bolsonaro por defender a soberania brasileira sobre a Amazônia e aproveitava o comentário para criticar o governo do PT e a sua gestão ao meio ambiente, afirmando que os petistas não se interessaram em proteger o bioma da floresta. Ainda sobre o meio ambiente, a deputada federal publicou reportagem da TV Brasil sobre a Operação Brasil Verde 2, ação apoiada pelo governo federal para prevenir e reprimir crimes ambientais como desmatamento e focos de incêndio na maior floresta tropical do mundo.

 

Em suma, a direita capitaneada por Jair Bolsonaro e Carla Zambelli têm ocupado o espaço que André Janones tem deixado de ocupar nas redes com a redução das discussões sobre o valor do auxílio emergencial. Com posts que utilizam vídeos com reportagens e comentários de jornalistas e analistas políticos, o governo e seus apoiadores têm fortalecido seus posicionamentos em defesa do governo e suas ações. E a esquerda, que dominou o nosso primeiro ranking eleitoral das capitais, não conseguiu emplacar nem mesmo um post neste ranking semanal.

Você pode baixar nosso relatório completo, clicando aqui.

Apoie o Manchetômetro

Criado em 2014, o Manchetômetro (IESP-UERJ) é o único site de monitoramento contínuo da grande mídia brasileira. As pesquisas do Manchetômetro são realizadas por uma equipe com alto grau de treinamento acadêmico e profissional.

Para cumprirmos nossa missão, é fundamental que continuemos funcionando com autonomia e independência. Daí procurarmos fontes coletivas de financiamento.

Conheça mais o projeto e colabore: https://benfeitoria.com/manchetometro

Compartilhe nossas postagens e o link da campanha nas suas redes sociais.

Seu apoio conta muito!

Publicação anterior

Por Keila Rosa, Andressa Liegi, Robson Nunes, Natasha Bachini, Eduardo Barbabela e João Feres Júnior
19/10/2020 - As eleições municipais de 2020 ficarão registradas na política brasileira por acontecerem em cenário totalmente atípico: uma pandemia que exige o distanciamento social e restringe a realização de campanhas presenciais. ...
Próxima publicação

Por Keila Rosa, Andressa Liegi, Robson Nunes, Natasha Bachini, Eduardo Barbabela e João Feres Júnior
26/10/2020 - Na segunda semana das campanhas na re­de, as 319 páginas dos candidatos e can­didatas às prefeituras das capitais brasilei­ras pu­­blicaram 6.982 posts que pro­vocaram 488.015 compartilhamentos, 420.527 co­men­tá­rios e 3.973.200 ...