Eleições 2010
Este é o estudo que deu origem ao Manchetômetro – a análise de valências da cobertura jornalística da eleição presidencial de 2010. É importante destacar que neste estudo foram analisadas todas as matérias sobre eleições e política publicadas nos jornais Folha de S. Paulo, Estado de S. Paulo e O Globo, capa e miolo. Será que houve viés em 2010? O viés seria comparável ao que constatamos nas eleições de 2014? Os objetos de viés negativo seriam os mesmos em 2010? Confira nas páginas abaixo.

13/10/2014 - Nesta página encontram-se os gráficos que representam a cobertura de valências contrárias, neutras e favoráveis aos três principais candidatos agregadas por jornal (Folha de S. Paulo, O Globo e Estado de …

13/10/2014 - Nesta página, encontram-se os gráficos que representam a série temporal de textos de capa e miolo negativos e neutros publicados de 1º de julho a 1º de novembro  de 2010, no que …

13/10/2014 - Em 2010 houve seis escândalos com algum destaque, cinco negativos para o PT e sua candidata, Dilma Rousseff, e um negativo para o PSDB. Seguem pequenos resumos dos casos: Erenice Guerra …

13/10/2014 - Nesta página apresentamos um estudo somente dos textos de capa – manchetes e chamadas – dos três jornais da base (Folha de S. Paulo, O Globo e Estado de S. Paulo). Série temporal semanal: valências contrárias …

13/10/2014 - Nesta página encontram-se os gráficos que representam a série temporal de textos de capa e miolo negativos e neutros para cada um dos três candidatos nos jornais Folha de S. …